Dicas de Como Sair do Vermelho e Pagar as Dívidas

Como Pagar as Dívidas e Sair do Vermelho

Como Pagar as Dívidas e Sair do VermelhoAgora é a hora de agir: Se você gasta mais do que ganha ou já está no vermelho, precisa reunir coragem e cortar gastos. Não se iluda – O único jeito de voltar a ter equilíbrio financeiro é encarar o problema, mesmo que isso signifique que por algum tempo você terá que adiar projetos importantes e deixar de fazer compras, passear e se divertir como antes. Um passo por vez – Crediário, cartão de crédito, financiamento, e outros mais. Usar um desses tipos de crédito para comprar alguma coisa significa assumir uma dívida, o que não é um problema desde que você esteja consciente e preparado para esses gastos. O desafio é não se perder nas contas. Afinal, quem tem mais dívidas do que consegue pagar, vive preocupado e acaba prejudicando seus próprios projetos. Conheça as dicas para sair do vermelho e pagar as dívidas

Dicas de Como Sair do Vermelho e Pagar as Dívidas

Como pagar as dívidas e sair do vermelho: Para começar a colocar as suas contas em dia, depende de você: Mantenha as contas em dia e deixe um dinheiro guardado para emergências. Se a situação apertar, não perca tempo. É melhor agir antes que as coisas piorem ainda mais. Mesmo que tudo pareça perdido, mantenha a cabeça fria e faça um plano para reorganizar as contas. Reconheça que tem um problema e não coloque a culpa nos outros. Liste todas as suas dívidas e tente negociar prazos maiores e juros menores para cada uma delas. Se puder, faça um empréstimo com juros baixos, como crédito consignado, para quitar de vez as dívidas de juros mais altos, como cheque especial e rotativo do cartão de crédito. Enxugue os gastos, procurando produtos mais baratos, cortando supérfluos e eliminando desperdícios. Destine o que economizar e também os ganhos extras para o pagamento de dívidas e de contas atrasadas. Depois de tudo quitado, reorganize as contas e tente guardar algum dinheiro para emergências.

Veja as Dicas de Como Reduzir Gastos:

Seja Pulso firme: Para melhorar sua condição financeira, comece reduzindo gastos. Assim, você ganha fôlego para pagar dívidas e reorganizar o orçamento. Analise suas despesas para saber o que é essencial – como aluguel, alimentação, escola – e o que pode ser reduzido ou cortado. Boas ideias – Considere a possibilidade de receber parte das férias em dinheiro, usar ou antecipar o 13º salário, vender bens ou buscar trabalhos extras. Busque serviços mais baratos ou pacotes promocionais entre as operadoras de celular, telefone, internet e TV. Compre apenas o que for indispensável, pesquise preços, negocie descontos à vista e prefira marcas com a melhor relação entre custo e benefício. Jogando no mesmo time – Abra o jogo com a família.

Faça com que todos na casa se envolvam e que cada um assuma o compromisso de reduzir seus gastos individuais. Vale também avaliar a possibilidade de obter renda extra a partir de alguma atividade familiar. Mas é bom evitar o desânimo. Deixe claro que a dificuldade é passageira e que, no futuro, haverá mais tranquilidade para a realização dos planos de cada um. Quanto antes vocês conseguirem resolver a dificuldade, melhor para todos. Uma dica, é você conhecer o “Guia do Devedor que poderá te ajudar a sair de todas as dívidas muito mais rápido. Clique Aqui para continuar… Quanto você Deve? Descubra o Tamanho da sua Dívida!






Comprar Máquina de Cartão de Crédito Moderninha




Receba Dicas de Cartão de Crédito por Email.




Adquira sua Máquina de Cartão de Crédito para Vender mais!

Promoção de Máquinas de Cartões de Crédito Sem Aluguel
Fechar Menu
error: Conteúdo Protegido - Tente criar seu próprio conteúdo. Obrigado!